segunda-feira, 30 de junho de 2008

uma das "Ultimas vezes"

Se tem uma coisa que eu e a Jé temos em comum, além dos "fishy wines", e da bizarra correria dos nossos quase romances, é a nossa habilidade em dizer: "Nunca mais faço isso", ou "É a ultima vez, eu juro", e essas ser apenas UMA das vezes que dizemos isso.
Nesses ultimos meses então, isso tem se virado um clichê.
E é por isso que eu me pergunto: "Jé, o que acontece conosco?"
Será mal de mulher?
Estamos nós seguindo em frente com nossoas vidinhas felizes, quando de repente, eis que surge - ou no nosso caso re-surge - aquela pedra no meio do caminho, - ou no meu caso um pedregulho enooorme - com aquelas desculpas esfarrapadas e todo aquele bla bla bla pré histórico e tão conhecido.
Conhecemos esse filme, já aconteceu não é mesmo? Talvez os personagens tenham sofrido certas alterações mas continua a ser o mesmo drama ala mexican serie.
Mesmo assim, sabendo de tudo isso, nós paramos, ouvimos todas essas histórinhas de ninar criança, oferecemos um ombro amigo, e quando damos conta, já foi. Caímos de novo no conto do sorriso.
Aquele sabe...? Do sorriso sacana que diz: "Vem que te faço feliz". Aquele sorriso que te promete o mundo esperando que você dê tudo.
Confesse, você já passou por isso. Caiu hoje. Vai cair amanhã de novo.
O fato é que nós mulheres somos assim, fingimos que não acreditamos em horóscopo, embalagem de shampo e muito menos em homem, mas sempre paramos para dar uma olhadinha como quem não quer nada.
Afinal, que mal tem? É a ultima vez que faço isso mesmo.

2 comentários:

bertonie-JVinee disse...

Pow, gostei do texto!!
Muito bom o post!
Parabeens!
xD

Angélica de Castro Albuquerque. disse...

Gosteei sabiaa ! Muiito bom msmooo

:DD